Agora Vendendo Lisina…

Best-seller nos EUA

Depois de tantos anos aqui no Blog e com o meu livro, ajudando a todos que também tem herpes genital, agora eu também estou incluindo a Lisina.
Para quem ainda não sabe, a Lisina é um aminoácido essencial para muitas funções do corpo que suportam a pele, ossos, colágeno e elastina. E para nós que temos herpes, ela é ainda mais importante, pois tem um relacionamento antagônico com a Arginina, ou seja, ela é útil para a redução dos níveis de Arginina. Como o vírus da herpes “adora” a Arginina, a suplementação com Lisina mostrou que é eficaz para a redução de frequência de crises para muitas pessoas. Por isso, tomar Lisina diariamente é uma das sugestões que coloco no meu livro para quem tem crises seguidas de herpes labial ou genital.
A Lisina não é produzida pelo nosso organismo e ela deve ser obtida através da dieta, sendo que os alimentos que contém proteínas são as melhores fontes. Mas somente pela alimentação (em relação a herpes) não basta para ajudar a reduzir os surtos do vírus. Recomenda-se de 500mg a 1500mg diariamente de Lisina para obter o melhor efeito nesse sentido.
Os produtos que agora estou vendendo, eu mesmo já usei, são importados e fabricados nos EUA e garanto pessoalmente quanto à qualidade deles. É Lisina de verdade. O problema é que não tenho a mesma confiança nesse produto manipulado em farmácias aqui no Brasil.
Por enquanto estou vendendo através do Mercado Livre e os links estão abaixo:

Lisina 1000mg com 180 tablets da Amazing Formulas (EM ESTOQUE)

SuperLysine + Echinacea 180 tablets da Quantum Health (ESGOTADO TEMPORARIAMENTE)

Lisina 500mg com 300 cápsulas da Vitacost – (ESGOTADO TEMPORARIAMENTE)

Quantum 1

Então recomendo muito para quem estiver tentando diminuir a fase de crises frequentes e quer um produto de qualidade. E também se você fizer a conta, verá que a o valor é muito bom pela quantidade de meses que um frasco atende, além de que estará dando suporte para o blog aqui, portanto agradeço desde já os que comprarem comigo.

UPDATE (20/11/2018): a Lisina da Amazing Fórmula já está em estoque novamente. Link acima!

 

Um abraço a todos,
Eduardo Rosadarco

Anúncios

46 respostas em “Agora Vendendo Lisina…

    • Oi Julia,

      A Lisina você pode tomar de 500mg até 1500mg por dia sem problemas.
      Na minha opinião para início 1000mg por dia está bom, depois dá até para reduzir e ver como fica a frequência de crises.
      Att
      Edu

    • Prezado Sr. Eduardo, o senhor já ouviu falar nos estudo de Deepak Shukla, professor de microbiologia e imunologia na Universidade de Illinois, nos Estados Unidos? Ele descobriu que a molécula BX795 é uma alternativa promissora para combater o vírus da Herpes, 1 e 2.

  1. Queria tirar uma duvida sou portadora a pouco tempo , meu esposo ja tinha queria saber sendo os dois 2 portadores .. atrapalha muito a relacao ? Caso optasse para nao uso do preservativo

    • Oi novamente Julia,
      Se ambos você e seu marido já tem então não precisa se preocupar com mais nada. Vida normal. Só acho que quando um dos dois estiver com uma crise ativa é melhor evitar o sexo…não pela transmissão é claro, mas porque pode infeccionar e demorar mais para sarar a crise, além de que não seria confortável.
      abs
      Edu

    • Oi Mary,
      Para mim o aciclovir sempre funcionou bem. Já tomei tanto o genérico como outros de marca. Nem sempre o genérico está mais barato por aqui. Geralmente eu encontro o Herpesil com bom preço.
      O Penvir é muito bom também mas costuma ser bem mais caro. Acredito que seja receitado pelos médicos principalmente para a primeira crise que costuma ser mais forte. Mas pode ser usado em episódios de recorrências também.
      Abs
      Edu

  2. Escrevo aqui agora mais como um espaço para desabafo: peguei herpes num esfrega estúpido pré penetração! Jamais imaginaria que pudesse me acontecer algo assim. Sempre usei camisinha e nem tinha conhecimento desse tipo de contágio. Acreditem se quiser! Me sinto muito burra hoje! Sei do diagnóstico há alguns meses. Nunca tive crises fortes! E, pelas minhas contas, tenho há cerca de 1 ano. Meus meses têm sido de muito choro, psicológo e vida sexual quase nula. Quem sabe acha que estou exagerando mas está muito difícil imaginar minha vida assim. Eu não teho mais esperanças de que um dia surja uma cura. Desculpa meu pessimismo! Mas li absurdamente sobre e apenas vejo fracasso! Estou solteira. No auge da vida. E não consigo imaginar alguém que consiga partilhar a vida comigo depois desse diagnóstico. Infelizmente. Percebo que para as mulheres é mais complicado viver com isso até por uma questão anatômica. Enfim! Desculpa compartilhar coisas tristes. Queria estar mais otimista. Mas é o que sinto..

  3. Olá pessoal!
    Venho com uma boa notícia! Vocês já ouviram falar em Thetahealing?
    Thetahealing é uma terapia quântica de cura. Por algum motivo a Herpes foi atraída para a sua vida, mas você pode se curar. Sim, é possível, tranquilo, seguro e agradável viver sem herpes. Procurem um terapeuta, hoje em dia tem muitos espalhados por todo Brasil, a consulta pode ser feita online, e o preço é super acessível. Eu garanto que vale a pena! Nós merecemos viver saudáveis, tome isso como verdade na sua vida!
    Abraço queridos! Fiquem com Deus!

      • Assisti uma palestra sobre a cura baseada nessa teoria quântica! Concordo plenamente com o Eduardo! Isso ilude as pessoas a acreditarem em algo que não vai acontecer: a cura! Você pode escolher ser feliz, apesar desse fato desagradável. Mas isso não muda o fato de que você tem algo que não sairá do seu corpo nunca.

  4. Sinto muito! Isto é uma crença sua! Você se quer conhece? Se viver se entupindo de remédios ou depressivo é uma forma de viver pra você, tudo bem. Mas não precisa ser pra todo mundo Edu. Só não esperava tanta indelicadeza da sua parte. Enfim, que Deus te abençoe!

    • O que me irritou em seu comentário é que você promete a CURA da herpes com um tratamento no mínimo duvidoso e que não tem nenhuma comprovação de resultado.
      Não deve passar de um efeito placebo.
      Muita gente chega aqui no blog em um momento em que estão emocionalmente abalados e não posso deixar ninguém ser induzido ao erro ou a falsas esperanças principalmente nesta hora.
      Se eu fui indelicado eu peço desculpas.
      Att
      Eduardo Rosadarco

  5. Queria dar uma dica para as mulheres, eu nunca tive mta dor de cabeça com crises, pois são sempre bem fracas (sempre 1 pequena feridinha) e sara em 3 dias usando a pomada. Além disso, ela aparece no máximo 2 vezes ao ano. Desde de que eu coloquei o DIU Mirena, meu cliclo menstrual foi diminuindo até que seis meses depois eu parei de menstruar. Isso tem 2 anos e tem tbm 2 anos que nao tenho crise. Eu nao tenho uma alimentação super saudavel, nao faço exercícioa físicos, trabalho sob mto estresse, ou seja, tudo aquilo que dizem ser gatilho para crise e mesmo assim tinha 2 crises no ano e eu percebi que so tinha crise quando tinha um periodo menstrual mtoo forte, ou seja depois que coloquei o DIU, estou com quase 3 anos sem crise, uma vez que a mesntruação era meu gatilho. Nunca tomei medicamento nenhum como aciclovir e outros, apenas usava pomada aciclovir 3 vezes ao dia sobre a pequena ferida e com no maximo 3 dias estava bem. Faça um teste ao cortar a mestruação e veja como seu corpo reaponde as crises.

    • Oi Lanna,

      Sim esta é uma ótima dica. Eu sempre recomendo isso para mulheres que tem crises frequentes. A menstruação enfraquece bastante o sistema imune e em muitos casos é responsável pela reativação do vírus.

      Abs
      Eduardo Rosadarco

  6. Postagem do Rich Mancuso sobre essa possibilidade abaixo:

    Muitas pessoas ficaram chateadas por não terem acesso à vacina – o Theravax. Mas ainda pode haver uma maneira de obtê-lo.
    Recentemente, publiquei um link da FDA para um programa chamado “Acesso expandido”. Este é um programa que permite que pacientes (que esgotaram todas as outras fontes médicas para ajudá-los a melhorar) tentem medicamentos experimentais ou drogas que não são atualmente acessível.

    Eu pessoalmente conheço algumas pessoas que começaram a preencher a papelada e uma pessoa confirmou Comigo hoje, eles encontraram um Doutor que está disposto a ajudá-los a ter acesso à vacina experimental – Theravax, a vacina contra herpes criada pelo Dr. William Halford.

    Esta é a única informação que tenho até agora e obviamente não faço promessas quanto ao futuro, mas estou muito esperançoso de que esses pacientes tenham algum alívio de seus sintomas debilitantes, se conseguirem ter acesso à vacina. Acho que vamos ver. Aqui está o futuro … 👍 👍 👍

    Link para o acesso expandido: https://www.fda.gov/NewsEvents/PublicHealthFocus/ExpandedAccessCompassionateUse/default.htm?fbclid=IwAR3ErM7CqQMXZK8AokQX124iWMXdv29198kSDTJfx5CUD3MC5XOgOi1vaY0

  7. Gente, essa pergunta pode parecer bem idiota, mas se alguém souber responder eu fico grata.

    Vocês sabem se o vírus da herpes pode contaminar o xixi, qdo tem feridinhas na saida da vagina por exemplo…. porque fico apavorada com isso. Tenho um bebê de 1 ano e morro de medo de fazer xixi e respingar gotas nas pernas, nadegas e eu ñ limpar tudo e dessa forma contaminar a cadeira que sento, a cama, etc.

    Fico segurando o xixi o máximo que posso, e quando faço tomo banho em seguida, só que demoro muito no banho, porque fico com receio de não lavar tudo, enfim, com receio até da agua que escorre nas partes intimas e desce pela perna contaminar com virus… mesmo não tendo nenhuma lesão ainda fico com medo, por conta do risco de transmissão assintomática.
    Isso tem me atrapalhado demais. Antes de ter meu filho eu não tinja esse pânico. Peguei esse vírus maldito há 15 anos e tenho poucas crises, peguei antes de conhecer meu marido, estamos tendo relação sem preservativo há 6 anos e até o momento ele nao apresentou nada, mas agora tenho muito medo de passar pra ele mesmo sem sintomas.

    Minha vida está muito triste, tenho muito medo pelo meu filho. Não me perdoaria nunca se ele pegar isso de mim.

    • Oi Rosa,

      O vírus da herpes morre rapidamente fora do nosso organismo. Não irá sobreviver no xixi nem em roupas ou no vaso sanitário.
      Não tem necessidade de vc tomar banho toda a hora que faz xixi. Somente tomar mais cuidado quando tiver uma crise, e lavar as mãos se encostar nas lesões. Se não estiver com sintomas… é vida normal.

      Na verdade, as crianças pequenas, estão mais expostas a pegar o vírus do herpes labial, porque em certas idades compartilham brinquedos com outras crianças (que podem ter) e colocam na boca. Também… quem está com uma crise de herpes labial deve evitar beijar bebês ou compartilhar talheres, etc.

      Abraços,
      Edu.

  8. Minhas crises aumentaram de um tempo pra cá, pelo menos de 10 em 10 dias, fui ao urologista e ele receitou penvir via oral e o creme! Terminei a cartela conforme orientado, foram 5 dias tomando e passando a pomada tb, hj fui urinar e senti um desconforto, será que posso tomar o aciclovir diariamente? Penvir é mais caro! pq a pomada continuo usando

    • Oi Renato,
      Sim pode tomar aciclovir diariamente. Isso chama-se tratamento supressivo.
      A dose vc pode tomar 200mg 3x ao dia ou 400mg 2x ao dia.
      Acredito que o tratamento supressivo irá te ajudar já que vc está com crises bem frequentes.
      A pomada só ajuda um pouco quando estiver com crise.
      Abs
      Eduardo Rosadarco

  9. Bom dia me chamo Michael,tenho herpes genital a quase três anos ,tenho algumas dúvidas!

    Herpes genital:
    Faz muito tempo que não tenho crises com a herpes ,faz quase 1 ano e meio que elas não surgem ,sendo assim ,tem algum risco de Eu transmitir a outra pessoa sem o uso de preservativos?

    Herpes labial: como eu tenho a herpes genital ,eu poderia ser contaminado com a herpes no caso do sexo Oral ?

    • Oi Michael,
      Desculpe a demora na resposta…

      – segundo estudos existe sim a chance de transmissão assintomática (sem sintomas). Porém o risco é bem baixo se realmente você não tiver nenhum sintoma presente na hora do sexo.

      – Sim isso pode acontecer. Porém quem já tem um dos tipos de vírus (hsv 1 ou 2) tem uma imunidade parcial contra o outro também conforme pesquisas feitas. Mas para acontece o que vc descreve é um pouco mais difícil pois precisaria a pessoa que está recebendo sexo oral ter herpes genital pelo hsv tipo 1, o que existe mas é menos comum, pois a grande maioria dos casos de herpes genital é causada pelo hsv tipo 2 e este tem uma probabilidade extremamente baixa de se instalar na área oral. É muitíssimo mais comum vc pegar herpes labial por um beijo em uma pessoa com as lesões na boca do que pelo sexo oral.
      Não é por nada mas recomendo muito a compra do meu livro (e-book). Garanto que irá te a ajudar e tirar muitas dúvidas. Mesmo você não tendo crises é importante saber todos os detalhes desta doença para conviver melhor com ela e proteger a parceira(o).

      Abraços,
      Eduardo Rosadarco

  10. Oi, Edu. Tudo bem? Bom. Tenho herpes vaginal há pelo menos há uns seis anos e meio. Peguei do meu então namorado na época. Tive algumas crises recorrentes mais no início. De uns cinco anos e pouco não tenho sequer qualquer sintoma ou crise. E olha que sou uma pessoa super neurada com isso. Os cuidados que tomo é com ingestão de vitamina c e poli vitamínicos. As vezes, quando suspeito de algo, tomo um aciclovir. Após o término do meu namoro, já me envolvi sexualmente com quatro pessoas. Dessas duas souberam, pois era algo mais sério e fixo. Transo sempre com camisinha. Mas a minha dúvida é a seguinte: Na minha situação, sem crises por muito tempo, tenho grandes chances de transmitir a alguém de forma assintomática? E em um futuro relacionamento sério, a pessoa ciente é claro, se transar sem camisinha, mas tomando aciclovir de vez em quando, isso pode diminuir as chances de transmissão sem sintomas? Hoje lido muito melhor com esse probleminha, não me afeta em quase nada. A minha neura é mais porque eu peguei do meu então namorado sem perceber qualquer sintoma nele. Mas isso depois de dois anos seguidos, sem usar camisinha. Obrigada pela tua iniciativa, Edu. Ah.. Assim que chegar o estoque, comprarei lisina. Sempre é bom cuidar da saúde e evitar ter esse desconforto novamente. Um grande abraço.

    • Oi Sal,
      Respondendo a suas perguntas:
      1- Muito provavelmente você não irá passar para ele de forma assintomática. É como eu e minha esposa…não usamos camisinha faz muito tempo e até hoje ela nunca foi infectada. Mas eu faço a minha parte e cuido bastante.
      Porém temos que lembrar o seguinte:
      -sempre existirá um pequeno risco de transmissão assintomática. Infelizmente.
      -Quem conhece os prodromes tem mais chance de evitar uma transmissão ao parceiro.
      – Nunca fazer nada de sexo se estiver com qualquer dúvida de sintomas (nem mesmo com camisinha).
      – Sempre dar aquela olhada antes do sexo para verificar a pele dos genitais pois uma crise pode começar sem dar sintomas prodrômicos.
      – Sim… segundo estudos quem toma aciclovir supressivamente pode reduzir o risco de transmissão em 50%. Mas acho que o correto é usar o supressivo só em quem tem crises muito frequentes e não no seu caso. Entretanto você está correta em tomar o aciclovir quando sente algum sintoma (de forma episódica).
      É basicamente como você falou… não deixar essa doença nos afetar muito, viver normalmente, por outro lado ser bastante responsável com isso para proteger o parceiro, mas sem ficar com neuras.
      Obs: a lisina já está em estoque novamente.

      Abraços,
      Edu

  11. Boa tarde,
    Eu estou tomando o aciclovir (800mg por dia) desde um ano e meio. Não quero deixar de tomar porque não quero ter mais as feridas. A pesar do gasto para mi tem sido um descanso pois funciona bem, só quando tomo menos, um por dia, em duas ocasiões apareceu um pouco, e n{ao estou segura de que realmente seja. Mas de forma geral não teve mais. Fico preocupada com tomar tanto remedio, se isso não vai ter consequências ao longo prazo. Os médicos não me dão muita bola, dizem que se quero posso seguir tomando…. mas que seria bom parar… Gostaria saber se alguem ja tomou por mais tempo que dois anos… se isso poderia causar outros problemas de saúde… alguém poderia me dizer algo ao respeito?

    • Oi Juana,
      Como conto no meu livro, eu tomei o aciclovir por vários anos seguidos de forma supressiva, porém fui diminuindo a dose para atingir a melhor eficiência entre ter menos crises e quantidade de remédio ingerido.
      De maneira geral o aciclovir é muito bem tolerado e pode ser tomado por anos seguidos sem problemas. Porém na minha opinião você poderia tentar diminuir a dose pela metade (200mg 2x ao dia) e ver como fica.
      Aliado ao tratamento supressivo, é muito importante cuidar da saúde em geral para que o sistema imune funcione bem e assim conseguir uma eficiência melhor.
      Abraços,
      Edu

  12. A vida continua precisamos continuar, a vida é assim mesmo tem essas siladas. Peguei herpes genital em 2010 no começo não sabia o que era só em 2011 resolvi fazer o exame, daí acusou herpes genital RO médico falou que não tinha cura. Meu mundo desabou entrei em depressão mais graças a Deus hoje em dia consegui sai dessa, o problema é de acha uma pessoa com herpes. Não consigo assumi um compromisso com uma pessoa sem herpes

    • Oi Jefreson,
      A princípio agente pensa que a outra pessoa irá imediatamente nos rejeitar por causa da herpes, porém pela minha experiência, se existir um envolvimento emocional, dificilmente ela(e) irá romper o relacionamento por causa disso. Claro que existe a hora certa e maneiras certas de contar, mas o cenário que agente cria na nossa mente costuma ser bem pior que a realidade nesse caso.
      Sem compromisso, recomendo meu livro (e-book), pode te ajudar nesse sentido e muitos outros também.
      Abs
      Eduardo Rosadarco.

  13. Muito interessante esse artigo do wikipedia (que é quase um resumo de tudo que esta acontecendo). Mais pra quem não leu ou não vai entender, vai ai um resumo do resumo:

    Já se sabe como fazer as vacinas funcionarem, porem esbarramos em questoes financeiras e burocraticas.
    Falo uma coisa de opiniao propia, sabendo que algumas vacinas funcionam 70%, 60%, eu me pergunto, pq não comercializar essas vacinas? Eu pelo menos iria querer uma “ajudinha”, uma vacina para reduzir minhas crises . VCS não?

    Agora um resumo dos termos tecnicos, so que de maneira bem didática:
    Vacinas com virus vivos funcionam, porem realmente são menos seguras, so que nos ultimos anos essa insegurança tem diminuido bastante a quase zero.
    Do outro lados temos as glicoproteinas ou de maneira mais didática (pedaços dos virus), e sim elas sao mais seguras sim. Porem o que dificultava era que um so pedaço nao funcionava bem, dai com os anos peceberam que o grande lance eram varios pedaços de virus, como por exemplo a vacina trivalente da universidade da pensilvania, tal vacina comtem “3 pedaços dos virus”.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s